Ficção científica se transforma em antecipação científica. Sempre gostei dos filmes de ficção, eles me abrem horizontes e ajudam a pensar coisas que pareciam inimagináveis. Os autores desses filmes sempre pensaram à frente do tempo e criaram mundos e situações que pareciam, na época de seu lançamento, impossíveis. Hoje, muito do que vi neles já é realidade. E isso em poucos anos. A ficção científica não requer fundamentos científicos. Na verdade, envolve especulação e criatividade, duas qualidades que podem permitir que empresas e profissionais permaneçam – ou se tornem – relevantes em nosso mundo em rápida mudança. Com a ficção, podemos imaginar o imprevisível. Especular. Perguntar sem limites regulatórios ou tecnológicos do momento, “e se...”. Em um mundo cada vez mais volátil e incerto, ver filmes ou ler livros de ficção (ou antecipação) científica pode nos ajudar a pensar e construir para o futuro. A imagem mostra alguns dos filmes que vi e que me marcaram muito. Trouxeram o inimaginável para dentro da minha mente. E com esse inimaginável, abrimos nossa cabeça: talvez não seja impossível. Talvez seja apenas porque não chegamos lá, ainda.
By Cezar Taurion