Os mesmos algoritmos que facilitam aspectos da nossa vida também podem ter comportamentos racistas, machistas e/ou fortalecer sistemas autoritários de vigilância com o reconhecimento facial.

O documentário "Coded Bias" da Netflix reúne provas e mostra de forma didática—assim como "O Dilema das Redes" fez com as redes sociais—exemplos de violação de direitos civis e falhas inaceitáveis que a inteligência artificial (IA) vem cometendo.

Conheça os ativistas que lutam contra as falhas humanas embutidas em algoritmos que controlam nossas vidas.

http://www.voicers.com.br/coded-bias-expondo-vies-racista-nos-algoritmos-de-ia