Saber a hora de enfrentar novos desafios: “Mudo de ciclos antes que esperem que a necessidade muda. Eu larguei a operação quando senti que precisava largar. E como? Trocar muito com as pessoas, eu chamo de uma relação 'caórdica', primeiro eu crio o caos e depois a ordem. Experimentar, não ter medo de errar. Errou? Redireciona o erro. Acertou? Multiplica o acerto.”